Guia do Investidor

Ações ordinárias e preferenciais: entenda a diferença

Entenda a diferença entre os dois tipos de ações


homem branco e grisalho mexendo em um grande computador lendo sobre ações ordinárias e preferenciais
Entenda o que são ações ordinárias e preferenciais

O tipo de ação na qual você vai investir é muito importante para delimitar a sua estratégia de investimentos. Então, você sabe dizer a diferença entre ações ordinárias e preferenciais?

Os tipos de ações determinam qual o seu papel dentro da empresa em que você está investindo. É possível ter a possibilidade de voto nas decisões da empresa ou ter a preferência na divisão dos lucros.

Entenda melhor sobre a diferença entre ações ordinárias e preferenciais e como essa escolha pode impactar a sua estratégia de investimentos:

Relacionadas:

O que são ações ordinárias?

As ações ordinárias permitem que o acionista participe e vote nas assembleias da empresa. Isso quer dizer que esse tipo de ação possibilita um maior controle sobre a empresa e a influência em decisões, por exemplo.

Mas é preciso tomar cuidado: se você está começando a investir, o seu voto pode ser diminuído por grandes investidores, que contam com várias ações na mesma empresa.

Por isso, algumas empresas utilizam a ferramenta de Tag Along. Esse mecanismo é utilizado para garantir segurança para os acionistas minoritários em uma empresa. Com o Tag Along, esse grupo de acionistas tem o direito de sair da sociedade caso a empresa troque o seu investidor.

As ações ordinárias são indicadas pelo dígito 3 ao fim do código.

O que são ações preferenciais?

As ações preferenciais, por outro lado, não concedem o poder de voto para o acionista. No entanto, o investidor com ações preferenciais tem a prioridade no recebimento dos lucros.

Essa preferência também se aplica no caso da liquidação da empresa. Por isso, esse tipo de investidor tem menos chance de ter prejuízos em caso de falência da empresa, por exemplo.

Além disso, os acionistas que investem em ações preferenciais podem receber um maior percentual de lucro em relação a ações ordinárias.

Isso é feito como uma forma de compensar esse tipo de acionista, uma vez que esses não possuem influência sobre decisões da empresa.

As ações preferenciais são indicadas pelo dígito 4 ao fim do código.

Ações ordinárias e preferenciais: existe melhor opção?

A escolha entre ações ordinárias e preferenciais deve ser feita com base na sua estratégia de investimentos. O seu porte como investidor também pode ser decisivo.

É importante lembrar que as condições entre ações ordinárias e preferenciais podem mudar de ação para ação.

Por isso, preste atenção nas regras de governança corporativa da empresa. Esse regulamento determina os direitos dos acionistas de cada categoria.

Lembre-se: qualquer decisão nos seus investimentos deve ser tomada com base no seu perfil do investidor.

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Leia também:

Como comprar ações na prática?