Guia do Investidor

Trabalhador poderá usar FGTS para comprar ações da Eletrobras

Educador financeiro do C6 Bank diz que aplicar o FGTS em ações da estatal faz sentido para quem mira ganhos no longo prazo


Mulher de roupa social olhando para a câmera e pensando em usar FGTS para comprar ações

Trabalhadores com recursos no FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) poderão utilizar até 50% desse saldo para comprar ações da Eletrobras no processo de privatização da empresa. A compra será feita por meio dos FMP-FGTS (fundos mútuos de privatização), como já foi feito anteriormente nas vendas de ações da Petrobras e Vale.

Relacionadas:

Vale a pena usar o saldo do FGTS para comprar ações da Eletrobras?

Para Liao Yu Chieh, educador financeiro do C6 Bank, essa é uma ótima oportunidade para realocar o dinheiro do FGTS, que rende muito pouco, e colocá-lo em um investimento de renda variável.

“Usar o FGTS para investir é uma ótima ideia. O FGTS é dinheiro de longo prazo, sem liquidez. É um recurso que tem a finalidade de oferecer garantia no futuro, mas que rende muito pouco como renda fixa. Se não vai usar o saldo para comprar um imóvel e pode investir pensado em longo prazo, o trabalhador tem uma opção melhor que é aplicar na renda variável”, afirma Liao.

Hoje, o saldo do FGTS rende TR mais 3% ao ano, muito abaixo da inflação – que está acumulada em 12,13% nos últimos 12 meses – e de vários outros produtos de investimento. O dinheiro do FGTS não pode ser sacado a qualquer momento, exceto nas regras previstas em lei (como demissão por justa causa, compra da casa própria, aposentadoria, doenças graves).

Ao liberar o FGTS para compra de ações da Eletrobras, o governo dá ao trabalhador a opção de usar esse recurso em um investimento de renda variável. Diferentemente do FGTS, em que o trabalhador já sabe quanto terá de rendimento ao ano, essa certeza não existirá na compra de ações da Eletrobras – a rentabilidade depende da valorização dos papéis no mercado.

O educador financeiro do C6 Bank diz que foi uma das milhares de pessoas que usou seu FGTS para comprar ações da Vale, em 2002. “Se olharmos para o passado, as pessoas que usaram o saldo do FGTS para comprar ações da Petrobras ou Vale e não precisaram sacar no curtíssimo prazo saíram ganhando.”

Desde agosto de 2000, um dos principais fundos mútuos de privatização da Petrobras já se valorizou 1.343%. No mesmo período, o FGTS acumulou uma alta de 152,7%.

A valorização de um dos principais fundos mútuos da Vale desde março de 2002 foi ainda maior: 2.666%. No mesmo período, o FGTS rendeu 133,4%.

Mas nem sempre a rentabilidade desses fundos mútuos foi bom negócio. Em janeiro de 2016, por exemplo, os papéis das duas companhias tombaram forte. “Renda variável é um investimento de longo prazo. Oscilações no meio do caminho são comuns. Para o investidor que não quer se sujeitar a riscos ou pensa em usar o FGTS no curto prazo, talvez seja bom repensar a ideia de aplicar em ações”, diz Liao.

Vale lembrar que não é porque o FGTS está aplicado em um fundo mútuo que ele pode ser usado a qualquer momento. O dinheiro do FGTS que for aplicado em ações da Eletrobras só pode ser sacado nas condições permitidas em lei.

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Leia também: Gastar, investir ou pagar dívidas? O que fazer com a restituição do Imposto de Renda