Guia do Investidor

Resgate antecipado: quais as consequências?

Tudo depende do tipo de aplicação e das possibilidades de negociação


Mulher sentada de frente para um computador acompanhando cotações da bolsa de valores

Já se perguntou o que acontece se você precisar fazer um resgate antecipado dos seus investimentos? Nós te ajudamos nessa situação.

Relacionadas:

Dicas para resgatar seu dinheiro antes do vencimento

As consequências vão depender do tipo de aplicação e das possibilidades de negociação com a instituição financeira. Confira algumas recomendações abaixo:

Leia a lâmina do investimento

Ela nada mais é do que uma ficha resumida com todos os detalhes, como taxas a serem cobradas, encargos, variação dos rendimentos. Dessa forma, você ficará sabendo quando perderá se tiver que sacar a aplicação antes do vencimento.

Quando investir em aplicações com prazo longo?

Somente vá para esse tipo de aplicação se você possuir uma reserva para emergências. O ideal é que ela seja equivalente a seis meses de salário, devendo ficar guardada em uma aplicação com liquidez diária.

Na maioria dos casos, sempre será possível resgatar antes, porém haverá consequências. Se o contrato for de 90 dias e o investidor quiser resgatar em 30, deverá abrir mão de uma parte da rentabilidade e sofrerá consequências tributárias.

Quais são as consequências tributárias?

A consequência tributária nada mais é do que pegar uma alíquota maior de Imposto de Renda sobre o rendimento. As alíquotas variam de 22,5% a 15%, dependendo do prazo que o dinheiro ficou aplicado (veja abaixo).

  • Até 180 dias = alíquota de 22,5%
  • De 181 a 360 dias = alíquota de 20%
  • De 361 a 720 dias = alíquota de 17,5%
  • Acima de 720 dias = alíquota de 15%

Com isso, é possível concluir que quanto mais tempo o dinheiro fica aplicado, mais ele tende a render. Além disso, para o resgate antecipado, a instituição poderá cobrar uma multa ou taxa operacional.

Tipos de resgate

No Tesouro Direto o dinheiro pode ser resgatado a qualquer momento. Porém o investidor só fica com a rentabilidade determinada na hora da compra se deixar o dinheiro até o final do prazo.

O único título que pode ser sacado antecipadamente com tranquilidade é o Tesouro Selic, pois é pós-fixado. Neste tipo, o dinheiro ganha um pouco todo dia e o investidor não corre o risco de vender o título por uma preço abaixo do que comprou.

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Leia também: Previdência privada: herança com menos impostos