Guia do Investidor

Conservador, moderado ou arrojado: qual é seu perfil de investidor?

Antes de investir é preciso fazer a Avaliação do Perfil do Investidor para direcionar seus investimentos da melhor forma


Homem negro sentando em frente ao computador olhando para trás e sorrindo, pensando em seu perfil de investidor

Não dá para tomar uma decisão de investimento sem levar em consideração seu perfil de investidor. Responder algumas perguntas pode ajudar.

Qual o seu objetivo? Como você encara a possibilidade de perder dinheiro? Qual sua experiência e o seu nível de conhecimento em investimentos?

Relacionadas:

Como descobrir o perfil de investidor?

Cada pessoa tem uma resposta diferente para as perguntas. Por isso, é preciso fazer a Avaliação do Perfil do Investidor, também conhecida como suitability.

Este teste de perfil de investidor é um questionário respondido diretamente na plataforma onde será feito o investimento.

Para um resultado assertivo, ele considera seu conhecimento sobre investimentos, seus objetivos como investidor, seu horizonte de tempo e sua tolerância a perdas.

Como estes são fatores que podem mudar ao longo do tempo, recomenda-se refazer o questionário regularmente.

Para que serve a Avaliação do Perfil do Investidor?

O questionário ajuda a oferecer produtos adequados ao seu perfil de investimento, facilitando a construção de uma carteira completa e alinhada ao seu perfil.

Além disso, a avaliação ajuda a proteger os investidores, sendo obrigatória desde 2015 e aplicada a todos os novos clientes das instituições.

Quais são os perfis de investidores?

A avaliação qualifica os investidores em três níveis diferentes de tolerância a risco.

Nível 1

Também conhecido como investidor conservador, é aquele que não expõe seu patrimônio a produtos com muito risco ou fortes oscilações.

No geral, prefere produtos de investimento com maior previsibilidade, mesmo que signifique abrir mão de rentabilidades melhores.

Nível 2

O investidor moderado prefere investir boa parte do seu patrimônio em produtos mais seguros, porém aceita correr riscos em uma parcela menor dos seus investimentos.

Nível 3

O perfil arrojado é um tipo de investidor conhecido por ter bastante conhecimento sobre o assunto. Além disso, está disposto a investir em ativos de maior risco, em busca de rentabilidades mais altas.

Onde investir?

Para investidores nível 1, o ideal é manter boa parte da carteira em produtos de renda fixa, como CDBs pós-fixados, Tesouro Selic e fundos de investimentos para conservadores.

Para ampliar o leque com produtos mais complexos, os investidores nível 2, com perfil de investimento moderado, podem investir em letras de crédito com prazos mais longos, fundos de investimento imobiliário ou multimercado.

Por fim, para os investidores nível 3, ou seja, o investidor arrojado, é ideal alocar uma parcela maior dos seus investimentos em produtos mais arriscados, como ações e moedas.

Vale sempre ressaltar que até mesmo os investidores nível 3 devem diversificar seus investimentos. Variar entre renda fixa e variável é essencial para evitar a exposição exagerada a riscos.

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Leia também: Qual é o melhor investimento para o futuro financeiro dos seus filhos?