Seu Bolso

Imobiliária de bairro ou plataforma online? Veja prós e contras de cada modelo

A escolha entre imobiliária de bairro ou plataforma online vai depender do perfil do consumidor


Duas pessoas dando as mãos, para fechar um negócio. Uma casinha, uma calculadora e papeis estão em cima de uma mesa

Na hora de comprar um imóvel, os consumidores podem fazer buscas online ou contratar uma imobiliária tradicional para encontrar o lar dos sonhos, principalmente se for um imóvel usado. A escolha entre imobiliária de bairro ou plataforma online vai depender do perfil do consumidor.

Para quem busca praticidade, as plataformas online podem ser mais certeiras. No entanto, os contratos tendem a ser mais engessados, não permitem tanta negociação quanto em uma imobiliária tradicional.

A imobiliária acaba sendo a melhor opção para quem prefere o contato humano e busca um atendimento mais personalizado. Enquanto no online o cliente precisa fazer as buscas por conta própria, na imobiliária vai ter assistência de um profissional que pode indicar os imóveis que se enquadram no perfil, bem como dar informações sobre a região.

Relacionadas:

Independentemente da forma escolhida, o principal ponto antes da compra é a visita ao imóvel. Para facilitar esse processo, as imobiliárias tradicionais têm usado cada vez mais a internet como aliada no contato com os clientes.

O que prestar atenção na hora da visita?

A orientação é avaliar a região, fazer uma boa vistoria no imóvel e se informar sobre impostos e valor do condomínio, se houver. É preciso redobrar a atenção em imóveis que passaram por uma reforma recente, já que a pintura nova pode esconder alguns problemas como infiltrações nas paredes.

O que o vendedor deve considerar na hora de anunciar?

O primeiro passo é analisar o preço dos imóveis da região para saber quanto cobrar no que quer vender.

Nas plataformas online, a melhor saída é fornecer o máximo de informações descritivas do imóvel e boas fotos. Isso faz com que o imóvel fique melhor ranqueado na plataforma e, consequentemente, atinja mais potenciais compradores.

A conversa com pessoas da região sempre é uma boa pedida para precificar um imóvel: busque se informar sobre qual o valor real das últimas vendas da região.

Como investir em FIIs pelo C6 Bank?

Os FIIs são fundos de investimento imobiliário, que utilizam seus recursos para comprar ou construir imóveis e lucrar com o aluguel e a venda dessas propriedades.

Para negociar esses ativos, basta acessar o app, tocar em “C6 Invest” na tela inicia, em seguida “Renda Variável” e selecionar a opção desejada.

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Leia também: Imposto de Renda 2022: prazo para entrega da declaração começa; faça o download