Economia

Relatório: Sem trégua na inflação

Equipe econômica do C6 Bank, liderada por Felipe Salles, aponta os fatos mais importantes dos últimos dias


Confira as principais noticias da semana (4/4-8/4), segundo a avaliação da equipe econômica do C6 Bank. Leia a íntegra do relatório.

Internacional

Estados Unidos: Fed sinaliza política monetária mais agressiva

O banco central americano (Federal Reserve – Fed) divulgou a ata da última reunião, realizada em março. O texto mostrou que muitos participantes do Comitê de política monetária (FOMC, na sigla em inglês) prefeririam ter subido a taxa de juros em 50 pontos-base na ocasião em razão da elevada inflação, mas optaram por 25 pontos-base em razão do aumento de incertezas provocado pela guerra na Ucrânia. Muitos participantes notaram que aumentos de 50 pontos-base podem ser apropriados nas próximas reuniões. Adicionalmente, a ata indicou que a redução do balanço patrimonial deve começar logo após a reunião de maio e deverá ocorrer num ritmo igual ou inferior a US$ 95 bilhões de ativos por mês.

O mercado de trabalho continua forte. Os pedidos iniciais de seguro-desemprego, divulgados pelo Departamento do Trabalho, seguem diminuindo e alcançaram 166 mil na semana encerrada em 2 de abril, menor nível da série.

Os números de novos casos de covid-19 e de hospitalizações continuam diminuindo no país.

Europa: sanção ao carvão deve pressionar mais a inflação

O conflito entre Rússia e Ucrânia entra na sétima semana. A Rússia mantém bombardeios em várias regiões do país. As tropas russas deixaram o norte da Ucrânia, áreas próximas a Kiev, e têm se deslocado para a região de Donbass, ao leste, com objetivo de formar um corredor de dominação até a Crimeia. Retaliações do Ocidente aumentaram depois de acusações de supostos crimes de guerra cometidos pela Rússia na Ucrânia. A União Europeia anunciou que irá banir as importações de carvão russo – primeira commodity de energia a ser banida pelo bloco – e vários países europeus expulsaram diplomatas russos. Um cessar-fogo não parece iminente.

Os preços das commodities seguem com alta volatilidade. Entre os dias 1 e 7 de abril, o carvão subiu 13,8%, depois de notícias de sanções sobre a commodity. O petróleo (Brent) recuou 3,6% com o anúncio da Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) de que países membros irão liberar 60 milhões de barris de petróleo de suas reservas estratégicas e com a desaceleração da atividade na China decorrente do aumento do número de casos de covid-19. O preço do gás natural também diminuiu (-7%), revertendo parte do forte aumento da semana anterior, dado o fornecimento normal de gás para a Europa e a temperatura mais amena na região.

As vendas no varejo aumentaram 0,3% em fevereiro frente ao mês anterior e encontram-se próximas à tendência pré-pandemia. O índice veio abaixo do esperado: as menores restrições relacionadas ao vírus ajudaram o setor, mas a alta da inflação e a queda na confiança do consumidor pesaram negativamente.

China: lockdown em Xangai pode afetar cadeia de produção global

O número de novos casos de covid-19 tem aumentado e permanece na faixa dos milhares há quase quatro semanas, segundo dados da Comissão Nacional de Saúde. A cidade de Xangai, de 25 milhões de habitantes, que começou um lockdown por fases semana passada – primeiro da região leste e depois da oeste – estendeu o lockdown para toda a cidade depois que uma testagem em massa revelou um número de casos elevado. O porto de Xangai está operando com atrasos e filas o que pode impactar a cadeia global de suprimentos nas próximas semanas. Um dado positivo é que o número de distritos considerados como de risco alto ou médio, e que, portanto, possuem alguma restrição à mobilidade, tem diminuído depois de atingir um pico em meados de março.

O setor de serviços está em contração. O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) de serviços reportado pelo Caixin diminuiu 8,2 pontos para 42 em março. Este é o menor nível em dois anos e corrobora leitura do NBS PMI de serviços divulgado semana passada também em território contracionista. Ambos os índices refletem o impacto de medidas restritivas associadas a pandemia sobre o setor.

Brasil

Inflação: sem descanso

O IGP-DI avançou 2,37% em março, acima do esperado, e acumula alta de 15,57% em 12 meses. A composição dos índices de atacado mostrou o IPA agrícola elevado – registrou alta de 2,28% frente a 1,50% no mês anterior. O núcleo do IPA industrial – que inclui apenas os itens relacionados à inflação de bens industriais do IPCA, excluindo alimentos, combustíveis e minério de ferro – voltou a acelerar e teve alta de 1,02% ante alta de 0,52% em fevereiro e segue pressionado. A inflação dos bens agrícolas veio novamente acima do esperado por nós e teve impacto de 5 pontos base na projeção de IPCA de 2022.

O IPCA de março registrou forte surpresa. O índice avançou 1,62%, acima da nossa projeção de 1,43%, e acumula alta de 11,30% na variação em 12 meses. O destaque foi a alta em combustíveis, que veio bem mais forte que o esperado. O segmento de serviços também veio um pouco acima do previsto. A composição do índice mostra inflação corrente generalizada, alta tanto para bens industriais quanto serviços. A pressão inflacionária segue intensa e a inflação de serviços deve continuar sentindo a inércia inflacionária nos próximos meses. A inflação de bens industriais também deve seguir elevada por mais tempo devido aos novos choques nas cadeias globais de produção. Colocamos viés de alta para nossa projeção de 7,2% para o IPCA de 2022.

Nota: O Banco Central não divulgou essa semana a pesquisa do Boletim Focus devido à greve dos servidores.

Equipe Econômica C6 Bank

Felipe Salles Head
Claudia Moreno Head Brasil
Claudia Rodrigues Head Internacional
Felipe Mecchi Internacional
Heliezer Jacob Brasil

Este relatório foi preparado pelo Banco C6 S.A.
Os números contidos nos gráficos de desempenho referem-se ao passado; o desempenho passado não é garantia de resultados futuros.
Cada analista de Macro Research é o principal responsável pelo conteúdo deste relatório e atesta que:
(i) todas as opiniões expressas refletem com precisão suas opiniões pessoais e eventual recomendação foi elaborada de forma independente, inclusive em relação ao Banco C6 S.A. e / ou suas afiliadas;
(ii) nenhuma parte de sua remuneração foi, está ou estará, direta ou indiretamente, relacionada a quaisquer recomendações específicas realizadas pelo analista.
Parte da remuneração do analista vem dos lucros do Banco C6 S.A. e / ou de suas afiliadas e, consequentemente, as receitas decorrem de transações mantidas pelo Banco C6 S.A. e / ou suas coligadas.
Este relatório foi preparado pelo Banco C6 S.A., uma instituição regulada por autoridades brasileiras.
O Banco C6 S.A. é responsável pela distribuição deste relatório no Brasil.

Leia também:

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.