Guia do Investidor

O que são juros compostos?

Entenda qual a diferença entre juros simples e juros compostos


Uma mulher em pé enconstada em uma parede
Entenda como calcular juros compostos

Se você quer começar a investir, é muito importante entender o que são juros compostos. Essa é uma variável elementar para definir a rentabilidade do seu investimento.

Por isso, entenda o que são juros compostos e quais tipos de investimentos utilizam esse conceito:

Relacionadas:

O que são juros compostos?

Também conhecidos como “juros sobre juros”, os juros compostos são calculados a partir do valor inicial investido somado ao valor recebido através de juros ao longo do tempo.

Para entender melhor, confira a fórmula dos juros compostos:

C (1 + i)t = M

Em que:

  • C: capital inicial investido;
  • i: taxa de juros;
  • t: tempo da aplicação;
  • M: montante acumulado.

Através da fórmula, é possível perceber que o tempo é uma variante exponencial. Isso quer dizer que, durante o tempo que você mantiver um investimento, o seu montante será acumulado exponencialmente.

Por isso, o investimento se tornará mais lucrativo de forma exponencial com o passar do tempo. Esse é o conhecido “Efeito Bola de Neve”.  

Qual a diferença entre juros simples e juros compostos?

Os juros simples, diferentemente dos juros compostos, são calculados apenas acima do valor inicial investido. Entenda através da fórmula dos juros simples:

J = C x i x t

Através da fórmula, é possível perceber que o tempo não é uma variável exponencial no caso dos juros simples. Por isso, o lucro não aumenta da mesma forma do que nos juros compostos.

Quais investimentos têm juros compostos?

Quase todos os investimentos brasileiros têm juros compostos. Isso acontece porque cada produto tem a sua fórmula de cálculo, e quase todos eles foram convencionados utilizando os juros compostos devido ao histórico de inflação no Brasil.

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Leia também: Como ficam seus investimentos com a alta da Selic?