Seu Bolso

Quais despesas médicas são dedutíveis no IR 2022?

É preciso se atentar também para o valor reembolsado


Homem branco de camiseta listrada de preto e branco, sentado em uma mesa, usando a calculadora e sorrindo

Já começou a temporada de declarações do Imposto de Renda. Neste ano, os contribuintes têm até o dia 31 de maio para acertar as contas com o Fisco. Assim como em anos anteriores, as despesas médicas contraídas em 2021 podem ser deduzidas no IR 2022. Diferentemente de outras categorias, gastos com saúde não têm limite de dedução.

Os gastos médicos devem ser declarados na ficha “Pagamentos Efetuados” da Declaração de Ajuste Anual e especificados conforme a natureza do pagamento. O contribuinte também precisa indicar se a despesa foi realizada em benefício próprio ou em nome de algum dos dependentes ou alimentados relacionados em sua declaração.

É preciso se atentar para a necessidade de informar não somente o valor pago em 2021, mas também aquele reembolsado durante o mesmo ano-calendário, já que somente a diferença entre estes valores resultará em dedução fiscal.

Relacionadas:

Quais despesas médicas podem ser deduzidas?

  • Médicos
  • Dentistas
  • Psicólogos
  • Fisioterapeutas
  • Terapeutas ocupacionais
  • Fonoaudiólogos
  • Hospitais
  • Exames laboratoriais
  • Serviços radiológicos
  • Aparelhos ortopédicos
  • Próteses ortopédicas e dentárias

Como emitir o informe de rendimentos no C6 Bank

Use o informe para declarar no Imposto de Renda os valores consolidados na sua conta em 2021. Como acessar o informe de rendimentos do C6 Bank:

  • Toque no seu perfil na página inicial do app
  • Depois, em “Informe de Rendimentos”
  • Escolha 2021 e pronto

Importante: este texto é uma forma de te ajudar na sua busca por informações. Em caso de dúvidas, procure um contador ou profissional qualificado para auxiliar na sua declaração.

Ainda não é cliente do C6 Bank? Abra uma Conta MEI completa e sem tarifas com C6 Business sem anuidade.

Leia também: Imposto de Renda 2022: tire todas as suas dúvidas sobre a declaração