Seu Bolso

Tem investimentos? Veja como declará-los no Imposto de Renda 2022

Embora parte dos ganhos seja isenta da tributos, o contribuinte deve inserir todos os ativos que tinha na carteira


Casal sorrindo sentado um ao lado do outro olhando uma folha de papel

Para declarar os seus investimentos no Imposto de Renda 2022 é preciso estar atento às particularidades de cada ativo. Em alguns produtos financeiros, como CDB e Tesouro Direto, o tributo é retido direto na fonte.

Ao contrário do que acontece com as ações, em que cabe ao investidor calcular os ganhos e pagar o que deve.

Títulos de renda fixa, fundos de investimentos, ações, fundos imobiliários, saldo de conta poupança, ETFs, investimentos no exterior e até valores em criptomoedas devem ser discriminados em campos específicos da declaração.

Relacionadas:

Quais investimentos preciso declarar?

Se você se enquadra em alguma das regras de obrigatoriedade da declaração – teve rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 ou valores não tributáveis acima de R$ 40 mil ou operou qualquer valor na Bolsa – todos os investimentos, independentemente de classe ou valor aplicado, devem estar na declaração de Imposto de Renda.

Embora parte dos ganhos seja isenta da incidência de tributos, o contribuinte deve inserir todos os investimentos que tinha na carteira em 2021.

Quem é obrigado a declarar Imposto de Renda

Se você se enquadra em um ou mais dos requisitos abaixo, a declaração do IR é obrigatória:

  • Pessoas que tiveram rendimentos tributáveis (salário, bônus na empresa, etc) acima de R$ 28.559,70 em 2021;
  • Quem recebeu rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, superiores a R$ 40 mil;
  • Quem teve receita bruta superior a R$ 142.798,50 em atividade rural;
  • Quem pretende compensar prejuízos com a atividade rural de anos-calendário anteriores ou do próprio ano-calendário de 2021;
  • Proprietário de bens superiores a R$ 300 mil;
  • As pessoas que tiveram ganhos de capital na alienação de bens ou direitos ou aplicaram em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros ou assemelhadas no ano passado;
  • Pessoas que venderam imóvel residencial e usou o recurso para compra de outra residência para moradia, dentro do prazo de 180 dias da venda, e optou pela isenção do IR;
  • Pessoas que passaram a residir no País em qualquer mês do ano passado.

Como emitir o informe de rendimentos no C6 Bank

Use o informe para declarar no Imposto de Renda os valores consolidados na sua conta em 2021. Como acessar o informe de rendimentos do C6 Bank:

  • Toque no seu perfil na página inicial do app
  • Depois, em “Informe de Rendimentos”
  • Escolha 2021 e pronto

Importante: este texto é uma forma de te ajudar na sua busca por informações. Em caso de dúvidas, procure um contador ou profissional qualificado para auxiliar na sua declaração.

Leia também: Tem novos planos para o futuro? Aprenda a realocar seus investimentos