Seu Bolso

Vai pagar como? Pesquisa mostra avanço de pagamentos digitais

No C6 Bank, os clientes podem abrir conta digital e gratuita, usar o Pix e fazer pagamentos por QR Code, por exemplo


Foto de uma pessoa pagando uma conta em uma cafeteria com o C6 Bank lendo o QR Code de uma maquininha C6 Pay Smart

Os brasileiros têm diminuído o uso de dinheiro vivo e, em meio à pandemia, ficaram bem mais abertos aos pagamentos digitais. Segundo um levantamento da FIS (Fidelity National Information Services), em parceria com a Ipsos, 47% dos entrevistados declaram ter utilizado menos dinheiro em espécie em 2021, sendo que 81% optou pelo uso de cartões, seja de débito ou crédito.

Entre os principais motivos para o uso do cartão, 54% elegeram em primeiro lugar a isenção ou baixa taxa bancária. No último ano, houve uma queda na escolha do cartão com base nas recompensas por cashback (receber de volta parte do valor gasto).

Relacionadas:

Novas tecnologias

A adoção de novas tecnologias na hora de pagar vem ganhando força. O aumento mais significativo veio com os pagamentos por aproximação, que apresentaram crescimento de 12% em 2021, em relação ao ano anterior.

Pagamentos online e via aplicativos móveis também tiveram alta e chegaram a 52%. Já o uso de QR Code, que não entrou na pesquisa de 2020, chegou a 31% em 2021.

Quando a análise é feita por faixa etária, os baby boomers (mais de 55 anos) são os únicos que não aumentaram a adesão aos serviços digitais. Na dianteira das mudanças, está a geração mais nova, de 18 a 24 anos — conhecida como geração Z.

Para o relatório Pace Pulse 2021 foram ouvidos cerca de 2.000 adultos brasileiros, entre 18 e 74 anos de idade. A pesquisa trouxe um comparativo de comportamento do consumidor brasileiro em dois momentos: outubro de 2020 e agosto de 2021.

No C6 Bank, o cliente tem conta digital e cartão de crédito gratuitos, transações via Pix, pagamento com QR Code e muito mais. Para abrir uma conta, basta acessar o site do C6 Bank e seguir o passo a passo.

Leia também: Imposto de Renda: Declaração começa em 7 de março; tire suas dúvidas sobre o IR 2022