Seu Bolso

Recebeu bônus ou PLR da empresa? Veja como declarar no Imposto de Renda

Os rendimentos devem ser preenchidos em campos específicos e a tributação seguirá a tabela progressiva do IR


Casal se abraçando, sorrindo e olhando para o celular
Recebeu bônus ou PLR da empresa? Veja como declarar no Imposto de Renda

A entrega da declaração do Imposto de Renda 2022 já começou. Até 31 de maio os contribuintes devem prestar contas com a Receita Federal.

É normal que neste período muitas dúvidas passem pela sua cabeça. Se você recebeu bônus ou PLR da empresa que trabalhava, já deve está se perguntando como endereçar esses rendimentos na declaração de IR.

Confira a seguir como fazer.

PLR

Os rendimentos recebidos a título de PLR (Participação nos Lucros ou Resultados) deverão ser declarados na ficha “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva” – Linha 11 e a tributação irá seguir a tabela progressiva vigente de Imposto de Renda específica para PLR.

Valor do PLR(Anual)AlíquotaParcela dedutível
até R$ 6.677,55Zero
de R$ 6.677,56 a R$ 9.922,287,50%R$ 500,82
de R$ 9.922,29 a R$ 13.167,0015%R$ 1.244,99
de R$ 13.167,01 a R$ 16.380,3822,50%R$ 2.232,51
acima de R$ 16.380,3827,50%R$ 3.051,53
Tabela IR PLR – ano-calendário 2020

Bônus

Os rendimentos recebidos a título de bônus serão tributados de acordo com a tabela progressiva mensal (conforme abaixo) e deverão ser declarados na ficha de Rendimentos Tributáveis Recebidos de Pessoa Jurídica.

Base de cálculo (R$)Alíquota (%)Parcela a deduzir do IRPF (R$)
Até 1.903,98
De 1.903,99 até 2.826,657,5142,80
De 2.826,66 até 3.751,0515354,80
De 3.751,06 até 4.664,6822,5636,13
Acima de 4.664,6827,5869,36
Tabela progressiva do Imposto de Renda

Vale lembrar que, ambos os valores (PLR ou bônus), deverão constar no Informe de Rendimentos Anual emitido pelo empregador – responsável pela retenção na fonte e recolhimento do imposto de renda devido.

Relacionadas:

Quem é obrigado a declarar Imposto de Renda

Se você se enquadra em um ou mais dos requisitos abaixo, a declaração é obrigatória:

  • Pessoas que tiveram rendimentos tributáveis (salário, bônus na empresa, etc) acima de R$ 28.559,70 em 2021;
  • Quem recebeu rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, superiores a R$ 40 mil;
  • Quem teve receita bruta superior a R$ 142.798,50 em atividade rural;
  • Quem pretende compensar prejuízos com a atividade rural de anos-calendário anteriores ou do próprio ano-calendário de 2021;
  • Proprietário de bens superiores a R$ 300 mil;
  • As pessoas que tiveram ganhos de capital na alienação de bens ou direitos ou aplicaram em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros ou assemelhadas no ano passado;
  • Pessoas que venderam imóvel residencial e usou o recurso para compra de outra residência para moradia, dentro do prazo de 180 dias da venda, e optou pela isenção do IR;
  • Pessoas que passaram a residir no País em qualquer mês do ano passado.

O que eu devo declarar no Imposto de Renda?

Se você atende a um dos critérios de obrigatoriedade de entrega de Declaração, ou deseja realizar a entrega facultativa, deve declarar:

  • Todos os seus rendimentos no Brasil e exterior (tributáveis ou não);
  • Bens móveis e imóveis;
  • Conjuntos de ações e cotas de empresas, negociadas ou não em bolsa de valores;
  • Dívidas e ônus reais;
  • Doações efetuadas e recebidas;
  • Atividade Rural;
  • Ganho de Capital e Ganhos no Mercado de Ações;
  • Pagamentos dedutíveis;
  • Pagamentos não dedutíveis (a profissionais liberais e aluguel, por exemplo).

Além disso, o contribuinte pode informar dependentes para fins fiscais, considerando que os itens citados de declaração obrigatória se estendem também aos dependentes.

Como emitir o informe de rendimentos no C6 Bank

Use o informe para declarar no Imposto de Renda os valores consolidados na sua conta em 2021. Como acessar o informe de rendimentos do C6 Bank:

  • Toque no seu perfil na página inicial do app
  • Depois, em “Informe de Rendimentos”
  • Escolha 2021 e pronto

Importante: este texto é uma forma de te ajudar na sua busca por informações. Em caso de dúvidas, procure um contador ou profissional qualificado para auxiliar na sua declaração.

Leia também: Quer investir em criptoativos? Fundos deixam isso mais fácil