Guia do Investidor

O que é ação preferencial?

Ações preferenciais são um investimento de risco, mas podem trazer diversos benefícios ao investidor


Foto de uma mulher loira com uma casaco verde mexendo em um smartphone pesquisando sobre ação preferencial

Você talvez já tenha ouvido falar em ações preferenciais ao pesquisar possíveis aplicações na Bolsa de Valores. Mas você sabe o que é uma ação preferencial?

Neste post, vamos discutir esse tipo específico de ação, explicar como ela funciona e quais os riscos envolvidos nesse tipo de investimento. Veja mais informações no texto a seguir.

Relacionadas:

O que é uma ação?

É possível que este conceito você já conheça, mas ao falarmos de tipos específicos de ação é sempre bom recapitular as definições fundamentais.

Vamos lá: pense no capital social de uma empresa como uma pizza. Uma ação é uma fatia dessa pizza. Quando alguém compra uma ação, está adquirindo uma pequena parte da empresa, tornando-se sócio (nesse caso, acionista) dela.

Para a empresa, isso é benéfico, pois representa uma maneira de adquirir dinheiro que pode ser usado em investimentos próprios. Isso acontece quando a empresa faz uma oferta primária e o recurso captado vai direto para o seu caixa. Para o investidor, a valorização das ações da empresa pode representar um possível lucro individual no futuro.

Ação preferencial: o que é?

Para entender do que se trata esse tipo de ação, é bom conhecer um outro conceito: dividendos. Dividendos são, basicamente, uma parcela do lucro da empresa que é distribuída entre os acionistas.

O ponto é que existe mais de um tipo de acionista — muitos são acionistas ordinários, por exemplo. É aí que entram as ações preferenciais: como o próprio nome implica, elas dão preferência a quem as possui, o que faz com que os acionistas preferenciais tenham prioridade na hora de receber dividendos. Eles podem, inclusive, receber um percentual maior dos dividendos, em relação a outros acionistas.

Outro benefício das ações preferenciais é que, caso a empresa vá à falência, estes acionistas também terão prioridade na hora do reembolso de capital.

A contrapartida de ser um acionista preferencial é que eles não possuem direito de voto, não interferem nas decisões da empresa e não são protegidos pelo tag along em caso de venda da empresa.

Trata-se de um investimento de alto risco, mas com recompensas que também podem ser altas. Nesse sentido, reforçamos a mensagem que sempre tentamos passar em posts desse tipo: busque o que melhor se encaixa com seu perfil de investidor e objetivos. Lembre-se também de pesquisar sobre as empresas nas quais estiver considerando investir.

Dica para quem está começando a investir

Com o C6 Invest, é possível começar a investir com poucos toques. Nos baseamos na experiência dos nossos especialistas e em tecnologia de ponta para sugerir uma carteira de investimentos compatível com o seu perfil de investidor e seus objetivos.

Investindo com o C6 Invest, você não precisa se preocupar com notícias, cotações e balanços. O nosso algoritmo monitora constantemente as mudanças do mercado. Quando necessário, ele ajusta a sua carteira automaticamente em busca da melhor rentabilidade.

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Leia também: IR 2022: como declarar ações no Imposto de Renda