Seu Bolso

Reeducação financeira: qual a importância e como aplicar na sua vida?

Confira dicas para fazer uma reeducação financeira


O que é reeducação financeira
O que é reeducação financeira?

No mês de maio de 2022, a PEIC (Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor) contabilizou que 74,5% das famílias brasileiras estão em situação de inadimplência. Nesse contexto, a reeducação financeira é uma alternativa para mudar esse cenário. 

Se você contraiu dívidas ou não faz um planejamento adequado dos seus gastos, pode ser o momento de realizar uma reeducação financeira. Através desse processo, é possível melhorar a sua relação com o dinheiro e favorecer a estabilidade financeira da sua família. 

Mas o que é reeducação financeira? O recurso se trata de um momento de aprendizado para retomar o controle sobre a sua vida financeira e reorganizar as despesas.   

Relacionadas:  

Qual a importância da reeducação financeira?  

Se você está passando por dificuldades financeiras ou contraiu alguma dívida, o processo de reeducação financeira pode ser muito importante para repensar as suas finanças e melhorar a sua saúde financeira.  

Além disso, a reeducação financeira pode trazer mais qualidade de vida e estabilidade para você e sua família. Por isso, dedicar um momento para aprender mais sobre dinheiro e fazer um planejamento adequado das suas despesas pode fazer toda a diferença.  

Etapas para aplicar a reeducação financeira  

Mas por onde devo começar a aplicar a reeducação financeira no meu dia a dia? Existem algumas etapas que podem ser colocadas em prática para iniciar esse processo. Entenda:  

Faça um planejamento financeiro 

O primeiro passo da reeducação financeira é fazer um planejamento dos seus gastos, que pode ser feito através de uma planilha. Nele você deve informar todas as suas despesas mensais, entre gastos essenciais e supérfluos.  

Assim, você poderá entender para onde o seu dinheiro está indo, realizar cortes de gastos para começar a poupar e se organizar para pagar dívidas.  

Além disso, o planejamento financeiro é um recurso para ser utilizado continuamente. Mesmo com as finanças organizadas, esse é um importante recurso para manter tudo em ordem e traçar novos objetivos. 

Quite suas dívidas 

Uma etapa essencial para aplicar a reeducação financeira é mapear e quitar todas as suas dívidas. Esse não é um processo fácil, mas a planilha financeira pode ser de grande ajuda nesse processo.  

Guardar um pouco de dinheiro todos os meses e pagar as pendências aos poucos pode ser o caminho para retomar o controle sobre a sua vida financeira.  

Monte a sua reserva de emergência  

Após quitar as suas dívidas, o próximo passo é começar a montar uma reserva de emergência. Com esse fundo, você estará mais seguro em caso de imprevistos ou outras necessidades. 

Faça investimentos  

Após o planejamento da sua reserva de emergência, você pode começar a investir em outros ativos. A forma como você vai aplicar esse investimento vai depender dos seus objetivos enquanto investidor.  

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra suaconta digital gratuita, peça seu cartão sem anuidade com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app. 

Leia também:  Mesada educativa: como funciona na prática?